GERAL

INSS - Um milhão poderão ter benefícios cortados

Votos de utilizador:  / 0
FracoBom 

Até o final do ano, o pente-fine do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) poderá cortar 1 milhão de benefícios irregulares, segundo prevê o ministro do Desenvolvimento Social, Alberto Beltrame.

Em 2016, o ministro da Casa Civil, Eliseu Padilha, anunciou a revisão nos nos auxílios-doença e nas aposentadorias por invalidez para eliminar pagamentos a pessoas que não têm direito a receber o benefício

Beltrame afirmou que a projeção do governo é de que o pente-fino reduza 20% dos benefícios. "Nós imaginamos que, ao final do processo, nós teremos identificado cerca de 1 milhão de beneficiários que vinham recebendo benefícios irregularmente da Previdência", disse.

Ainda de acordo com o ministro, a estimativa é que a economia para o fundo de Previdência chegue a R$ 20 bilhões.

Há dois anos o INSS tem convocado para perícia médica os segurados que recebem auxílio-doença ou aposentadoria por invalidez. A meta é realizar 1,5 milhão de perícias.

No caso do auxílio-doença, foi convocado quem não passa pela revisão médica há mais de dois anos. Na aposentadoria por invalidez, devem realizar a perícia os beneficiários com menos de 60 anos de idade, que estão há dois anos ou mais sem realizar o exame.

Ficaram de fora as pessoas com mais de 60 anos, além de segurados com 55 anos de idade, que recebem o benefício há pelo menos 15 anos.

Fonte - R10

© Portal F10 todos os direitos reservados www.portalf10.com.br. Desenvolvido por: Uilhia net Web designer
Back to top